vsports

Publicidade

Mundial 2022: Portugal sofre mas vence Gana (3-2)

24 de Novembro, 2022 por redacção

Portugal entrou a ganhar no Mundial do Qatar, venceu por 3-2 o Gana no seu primeiro jogo do grupo H, depois de Uruguai e Coreia do Sul terem empatado a zeros horas antes. A seleção das quinas lidera assim com três pontos, se vencer os uruguaios na próxima jornada, assegura a passagem aos oitavos de final.

Ponta final de muitos nervos e emoção, a contrastar com uma primeira parte tranquila e com poucas oportunidades de golo. Na verdade, no primeiro tempo Portugal esteve por cima mas nunca chegou com real perigo à baliza adversária. Verdade seja dita que o Gana também não fez muito e por isso aceitava-se o nulo ao intervalo.

Na segunda parte, o Gana entrou mais atrevido e chegou com mais perigo à baliza de Diogo Costa. No entanto, foi precisamente nesse ascendente que surgiu o golo português. Pouco depois da hora de jogo Salisu derrubou Cristiano Ronaldo na área, o árbitro não teve dúvidas e apontou para a marca dos 11 metros. O capitão português muito concentrado, remate forte e penálti clássico, com a bola a ir para o lado contrário do guarda-redes. O Gana reagiu e aos 73′ empatou. Kudus ganhou a Rúben Dias, passe atrasado para o coração da área, Danilo não interceptou e Ayew, vindo de trás, atirou à vontade para o fundo das redes lusas.

Cinco minutos depois a qualidade e classe de João Félix tranquilizou os adeptos, um grande passe de Bruno Fernandes para o jovem avançado que picou a bola por cima de Lawrence e colocou Portugal novamente na frente. Rafael Leão só precisou de três minutos para marcar. Novamente Bruno Fernandes na assistência, Rafael Leão fez à vontade o 3-1. Quando tudo parecia resolvido, eis que aos 89′ Bukari reduziu. Cancelo batido por Thomas Partney em velocidade, displicência da restante defesa a permitir o cabeceamento de Bukari ao segundo poste, completamente livre de marcação. Apesar do golo sofrido e dos 9 minutos de compensação dados pelo árbitro, Portugal foi gerindo bem até que no último lance Diogo Costa quase deitava tudo a perder. Inaki Williams deixou-se ficar para trás e quase roubava a bola quando o guardião se preparava para a repor em jogo. Valeu que o ganês escorregou, a bola ainda foi na direção da baliza mas Danilo afastou definitivamente e o apito final soou, para alívio de todos.

O próximo jogo de Portugal será com o Uruguai, está agendado para segunda-feira, dia 28 de Novembro, pelas 19h00.

PARTILHAR: